• Edward Claudio Jr

A saúde financeira dos seus colaboradores, precisa de ajuda?

Infelizmente, o nível de endividamento das famílias brasileiras está elevadíssimo. Dentro das organizações, isto interfere na saúde financeira dos colaboradores, prejudicando sua qualidade de vida, o desempenho profissional e o equilíbrio emocional.


Há mais de 10 anos faço atendimentos financeiros junto a colaboradores de diversas empresas pelo Brasil. Veja alguns exemplos de casos atendidos:


“Colaborador relata que está com muitas contas para pagar e não está conseguindo resolver. O salário parece que falta todo mês. As despesas aumentaram muito. Já tem 6 anos que o nome está no SPC. Está com dívidas no cartão e empréstimos. Pegou três empréstimos consignados na empresa e tem muitos descontos na folha de pagamento. Tem processos de IPTU e IPVA atrasados. Amargurado, quer ajuda para sair desta situação.”


“Colaborador está com muitas dívidas e quer se reorganizar financeiramente. Está a quase 10 anos com o nome negativado e virou uma bola de neve, com um valor muito elevado na soma das dívidas. Deve a escola das filhas, cartões de crédito e entrou em um empréstimo atrás do outro. Tinha um carro quitado e errou em financiar um outro veículo sem necessidade. O relacionamento com a esposa está muito abalado, devido a este endividamento.”


“Colaboradora relata que mora com a família e é a responsável pelas maiores despesas da casa. Se sente mal em gastar tudo o que tem e ficar zerada até o próximo pagamento. Não consegue fazer uma reserva financeira, pois acaba cedendo e gastando com a família.”



Infelizmente, está é uma pequena amostra do que acontece com muitas pessoas. Em -levantamento dos atendimentos realizados - nos últimos 6 meses (de agosto de 2021 a janeiro de 2022) com colaboradores das empresas, totalizando-215 encontros, identificamos - os seguintes números:



Podemos constatar que 47,9% dos atendimentos foram sobre questões de endividamento. No quesito planejamento financeiro (13%), uma parte tinha como principal objetivo sair do endividamento. Assim, mais de 50% dos casos foram relacionados a dívidas.


É muito provável que aproximadamente 50% dos colaboradores na sua empresa esteja enfrentando problemas financeiros, sofrendo, portanto, os impactos negativos na sua qualidade de vida e no clima organizacional.


Por isso, muitas empresas, através do departamento de recursos humanos, já identificaram esta situação e começaram a implementar programas de educação financeira para seus colabores, muitas vezes estendendo-o para os familiares. Acreditamos que com a união familiar para um diálogo franco as adversidades são superadas com baixo nível de estresse.


A educação é fundamental para o desenvolvimento das pessoas em todas as áreas da vida. Mais especificamente, a Educação Financeira é o meio para que as pessoas tenham hábitos e comportamentos financeiros sustentáveis, saindo desse cenário de endividamento, melhorando a qualidade de vida e realizando seus verdadeiros propósitos e objetivos.

Neste sentido, recentemente recebi a seguinte mensagem de uma das empresas atendidas:


“Edward, bom dia.

O usuário C. A. L. G. da empresa XXXX relata que já teve 4 atendimentos com você, pediu mais um hoje e disse que graças a sua consultoria ele e a sua esposa saíram do “buraco financeiro” que se encontravam e hoje conseguem realizar sonhos e objetivos.

Depois que saíram do quadro de total descontrole e endividamento, conseguiram fazer uma reserva e realizaram o sonho de reformar a casa da família. Agora retorna ao programa para solicitar auxílio no planejamento para a realização de mais um sonho, uma viagem internacional com a família.

Diz ser muito grato a ajuda que recebeu do programa, desde quem lhe atendeu em linha e identificou suas necessidades até ao consultor financeiro (você) que o ajudou a mudar a dinâmica financeira da sua casa.

Fiquei muito contente com esse feedback. Parabéns pelo trabalho!

T. S.”


Se você já identificou que o cenário na sua empresa é de um grau elevado de colaborares endividados, entre em contato conosco. Lhe ajudaremos a montar um programa de educação financeira personalizado, com uma estratégia assertiva para desenvolver seus colaboradores e solucionar esta questão do endividamento de forma sustentável e definitiva.


O BEM financeiro dos seus colaboradores é o nosso plano.


---

Edward Claudio Júnior é Pós-graduado em Educação Financeira, Coach Financeiro, Palestrante e Treinador Comportamental. Cofundador do BEM Financeiro – Desenvolvimento em Finanças, responsável pelo escritório em São Paulo.

37 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo